Banda de Hardcore Melódico Ingrena lança o EP ‘Distimia’ contendo 6 faixas inéditas

por Leonardo Machado 120 views0

Distimia, segundo EP da banda de Taguatinga Ingrena, foi lançado no último dia 20 de agosto

Com a produção de Frederico Colaço e gravado no estúdio ColaçoStudio, Distimia trás letras que falam sobre as angústias psicológicas, religiosas e emotivas do ser humano e também sobre política e cidadania.

As composições já faziam parte do repertório da banda e só estavam aguardando uma oportunidade de registro, portanto elas já estavam como o corpo bem amadurecido. A produção efetiva no estúdio ficou por conta do Fred Colaço em seu estúdio próprio ColaçoStúdio que fica no Jardim Botânico. O Colaço faz parte de algumas bandas, uma delas para citar é o Dynahead. Chegamos ao estúdio com as canções praticamente prontas e tivemos vários toques da varinha mágica do Colaço. — conta o vocalista Betão.

A arte da capa, feita por Lucas Viana, foi uma inspiração em conjunto dos integrantes da banda.

Distimia
Capa do disco Distimia

Reunimos e nos perguntamos o que as letras diziam e qual imagem poderia reunir elementos que expressassem as letras em forma de imagem. Então tivemos o insight de um coração controlado, oprimido pelo Estado, Trabalho e Religião. Já sabíamos que o responsável pelo trabalho artístico seria um profissional e amigo muito talentoso, Lucas Viana.

O Lucas fez como que cada elemento da arte destacasse o sentido que queríamos. O coração é o ser humano em seu estado puro, o terço representa a religião, o pedaço do terno que aparece representa o trabalho, a abotoadura com o brasão o Estado, e a mão em si a própria pessoa. Os útlimos quatro são opressores do ser humano. E cada elemento faz referência a no mínimo uma canção do álbum.

Distimia

O transtorno conhecido como distimia, é um tipo de depressão que se caracteriza principalmente pela falta de prazer ou divertimento na vida e pelo constante sentimento de negatividade.

O nome do álbum se chama Distimia pois é forma da manifestação da depressão no ser humano de forma aparentemente mais amena, o que faz como que a própria pessoa não saiba ser doente e entender aquilo como um traço de personalidade. As letras do álbum se encontram neste ponto, uma visão de nosso tempo, de nós que vivemos neste tempo como distímicos, um mundo que vive uma depressão, uma distimia, e não sabe que isto é uma doença, vê como algo próximo a algum traço de personalidade próprio da existência.

Clique abaixo e escute o EP na integra:

Banda Ingrena
Banda Ingrena (Foto:Divulgação)
Banda Ingrena (Foto:Divulgação)

Nashon – Bateria
Rafael – Guitarra
Betão – Vocal
Caio – Baixo
Vinícius – Guitarra

www.ingrena.com


Quer ver o seu material divulgado aqui também?

Entre em contato com a gente: contato@culturarockdf.com.br

ou através do nosso facebook: facebook.com/CulturaRockdoDF/

Comments

comments

Loading...