Metrópole Locomotiva lança hoje (11/10) o clipe ‘Agosto’. Assista aqui

por Leonardo Machado 60 views0

Com direção de Chico Acioli, da Pupila Gustativa, o clipe retrata com fidelidade as lágrimas febris das vidas candangas, lutando versos contra o Sol.

A banda Metropole Locomotica dos músicos Daniel Kirjner, Eduardo Matoso, Luiz Esteves, Emerson Barros conta um pouco sobre o clipe e a música agosto:

Chegamos na época das chuvas em Brasília. Com ela, naturalmente, a nostalgia da secura que nos dá tantas histórias e vivências. Ninguém viveu Brasília até encarar de peito aberto a secura deste deserto de rostos conhecidos.

Lugar nenhum do mundo tem a poesia da seca daqui. A seca brasiliense se assemelha à liberdade de Cecília Meireles: “não há ninguém que explique e ninguém que não entenda”.

E inspirada na secura da poeira só consegue nos respirar quando tem vento, a canção Agosto é como um antigo rock’n’roll cujo nome não me lembro – conta a banda.

Teaser do clipe Agosto:

A produção do clipe

O Clipe foi dirigido pelo amigo Chico Accioli, que é um cineasta aqui de brasília que foi premiado pelo seu curta “Café de Amanhã”. Ele foi assessorado pelos diretores de fotografia Pedro Stockeli e Tiago de Aragão.

Ao todo foram 3 locações: duas em que fizemos chroma key e uma última no museu nacional. Na segunda de chroma key, chamamos vários amigos para fazerem as silhuetas q aparecem no clipe. Passaram o dia curtindo metrópole, dançando e a gente filmando. Foi bem legal. No último dia, conseguimos uma luza magnífica lá no Museu Nacional.

Agosto

A música traz três crônicas de Brasília. A primeira de um casal que acaba uma relação duradoura; a segunda de uma mulher trabalhadora que é acusada injustamente de furto numa casa de classe média’; e a terceira de um menino rico que perde o amigo por dirigir de maneira irresponsável.

São narrativas que, em essência, podem acontecer em qualquer lugar; mas a imersão no cenário e na identidade brasiliense mostra como estas histórias podem ser peculiares à cidade e muito nossas.

O clipe ambienta bem isso….ele mistura animação com realidade, o q traz uma aura mística para Brasília. Traz a sensação q vivemos numa cidade meio irreal mesmo. 
Não só fui eu quem cantou…..chamei dois amigos para gravarem os vocais desta música também, para que se perceba claramente que cada um conta uma história.
Assista o clipe:

 

 

Comments

comments

Loading...