Projeto obriga rádios da cidade a dedicarem 20% da programação ao rock

por Leonardo Machado 71 views0

A matéria, de autoria do deputado Ricardo Valle (PT), será analisada na Comissão de Educação, Saúde e Cultura (Cesc)

Saiu no Metrópoles essa semana a nóticia sobre a criação de uma “cota do rock” para as rádios.

Celeiro de bandas de rock com projeção nacional – como Legião Urbana, Raimundos, Plebe Rude, Capital Inicial -, Brasília agora se divide entre outros gêneros, como o sertanejo e o eletrônico. Tentando recuperar a hegemonia do estilo, o deputado Ricardo Valle (PT) apresentou um projeto que obriga as rádios da capital a dedicarem 20% da programação ao rock local.

O projeto de lei 993/2016, do deputado Ricardo Vale (PT), foi protocolado nessa sexta-feira (18/3). Ele foi distribuído na Comissão de Educação, Saúde e Cultura (Cesc) nessa terça-feira (22). De lá, seguirá para o plenário da Casa.

Uma das justificativas do distrital é a de que, apesar de o Distrito Federal ser a cidade brasileira com a maior quantidade de bandas de rock proporcionalmente ao número de habitantes.

não se observa a mesma proporcionalidade quando se observa a programação das rádios, sendo o rock um dos gêneros menos veiculados nas FMs – destaca um trecho do projeto.

O projeto deve ser aprovado pela Comissão de Educação, Saúde e Cultura (Cesc) antes de seguir para votação em plenário da Casa. Foi distribuído para a comissão nesta terça-feira (22/3). Mas não deve ser apreciada antes do feriado da Semana Santa.

O PL prevê que o não cumprimento da lei por parte das rádios resultará em notificação, multa de R$ 2 mil (em caso de reincidência) e suspensão da programação durante 24h (no caso da segunda reincidência).

E você, o que acha de cotas para rock n’ roll nas rádios do DF?

 

Fonte: Metrópoles

Comments

comments

Loading...