Scalene ganha Grammy Latino de ‘Melhor Álbum de Rock em Língua Portuguesa’

por Leonardo Machado 99 views0

Scalene e o artista Ian Ramil empatam como vencedores com os álbuns ‘Éter’ e ‘Derivacivilização’ respectivamente. Brasiliense Hamilton de Holanda também leva prêmio.

Brasília tem dois representantes entre os vencedores do Grammy Latino 2016. A banda Scalene levou o prêmio na categoria “melhor álbum de rock em língua portuguesa”, pelo disco “Éter”. O bandolinista Hamilton de Holanda venceu como “melhor álbum instrumental” por “Samba de Chico”. A solenidade de entrega acontece na noite desta quinta-feira (17) em Las Vegas.

O Scalene dividiu o prêmio com Ian Ramil, que concorreu com “Derivacivilização”. Os outros indicados foram Boogarins, com “Manual”, Jay Vaquer, com “Canções de exílio”, e Versalle, com “Distante em algum lugar”.

Holanda disputou com Víctor Biglione, que concorre com o álbum “Mercosul”, João Donato, com “Donato elétrico”, Carlos Franzetti, com “Argentum”, e Bruno Miranda, com “Mosaico”.

Profecia

A participação da banda no maior prêmio da música latina acabou sendo uma “profecia” dos próprios músicos.

“Quando a gente tinha acabado de começar, a gente tinha acabado de lançar o primeiro EP e era a formatura do Gustavo [Bertoni, guitarrista e vocalista] no colégio, e foi todo mundo para a festa arrumado, bonitão”, brincou o baixista Lucas Furtado.

“E a gente ficou no twitter brincando que a gente estava no Grammy Latino. Fez um live tweet tirando foto, jantando, falando ‘caraca, coquetel aqui no Grammy Latino é muito legal’, e a gente foi tirando fotos focadas numa galera que estava sentada assim”, disse.

A banda de Brasília foi formada em 2009 por quatro amigos de infância: Lucas e Gustavo têm a companhia de Tomás Bertoni (guitarra/teclado) e Philipe Nogueira (bateria). O grupo atua profissionalmente há quatro anos e tem como um dos momentos mais marcantes até o momento a participação no festival Lollapaloosa, em março de 2015, em São Paulo.O nome da banda foi escolhido a partir de um livro.

“Quando a gente começou, estava animado para fazer show, só que a gente não pensou em um nome. Estávamos procurando um nome que soasse bem e pegamos um livro. Scalene – palavra derivada de escaleno – emplacou de cara. Foi meio num impulso, mas, deu certo”, afirma o baixista Lucas Furtado.

No programa SuperStar, a banda chegou a bater recorde de votação, ao atingir 89%. O Scalene escolheu o cantor Paulo Ricardo como padrinho e recebeu a aprovação dos três jurados ao tocar a música autoral “Surreal”, faixa do álbum “Real/surreal”, primeiro da carreira, lançado em 2013.

A banda tem como referências estilos que vão do folk até o rock, mas procura não se apegar a rótulos. “Fazemos e tocamos músicas que gostaríamos de ouvir”,  diz o vocalista Gustavo Bertoni, responsável pelas melodias das composições.

Ao todo, o grupo já gravou dois álbuns de estúdio, três EPs e um DVD, o recém-lançado “Ao vivo em Brasília”. O registro foi feito na Arena Lounge do Estádio Nacional Mané Garrincha. Atualmente, a banda conta com um músico de apoio, o percussionista, tecladista e guitarrista Samyr Aissami.
O repertório da apresentação teve músicas dos discos já gravados, como “Histeria” e “Surreal”, “Amanheceu”, “Legado”, “Inércia”, “Entrelaços” e “Danse macabre”, e a inédita “Vultos”, escrita exclusivamente para o DVD.

A ideia da banda quando gravou o DVD foi reunir fãs e parceiros que estiveram presentes desde o começo da carreira.

O Brasil levou outras 9 estatuetas na premiação. Confira a lista dos vencedores:
  • Almir Sater & Renato Teixeira Melhor Álbum de Música de Raizes Brasileiras (Ar)
  • Djavan Melhor Canção em Língua Portuguesa (Vidas pra contar)
  • Elza Soares Melhor Álbum de Música Popular Brasileira (A mulher do fim do mundo)
  • Paula Fernandes Melhor Álbum de Música Sertaneja (Amanhecer)
  • Céu Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa e Melhor Engenharia de Gravação(Tropix)
  • Ian Ramil e Scalene Melhor Álbum de Rock em Língua Portuguesa (Derivacivilização e Éter)
  • Martinho da Vila Melhor Álbum de Samba/Pagode (De bem com a vida)
  • Anderson Freire Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa (Deus não te rejeita)
  • Hamilton de Holanda Mejor Álbum Instrumental (Samba de Chico)

 


Fonte: www.conews.com.br

Comments

comments

Loading...