Banda brasiliense Toro estreia o clipe da música ‘Luz vermelha’

por Leonardo Machado 51 views0

Luz vermelha’ confronta o mercado do rock e ainda retrata sobre estar preso em uma relação.

A banda brasiliense Toro lançou, na terça-feira (15/8), o clipe Luz vermelha, a música faz parte do EP homônimo que será divulgado ainda neste ano.

Os timbres marcantes do início do vídeo dialogam com a mensagem que está por trás da canção: sobre estar preso em uma relação que faz mal.

O grupo assume ter cansado dos artistas que vendem imagem e não música. O clipe foi inspirado na Fúria e traz de volta a agressividade do rock. Dirigido por Thais Mallon, a cor central do vídeo é o vermelho, a qual causa uma certa penumbra e silhueta na dançarina Marcia Regina.

“A ideia do clipe é ir contra a maré do que é produzido e do tipo de produto que é veiculado no mercado musical brasileiro. Atualmente você encontra mais bundas do que acordes em muitos trabalhos do mainstream” critica Francisco Vasconcelos, guitarrista.

Ele explica que o clipe quer forçar a atenção do expectador à música e fala melhor da criatura interpretada por Marcia:

“É um clipe focado na arte produzida pelas pessoas envolvidas. O resto é dispensável e secundário. A bailarina com os chifres representa a Fúria, praticamente uma divindade, que há muito falta no rock’n’roll, que anda muito comportadinho”, atiça.

A direção e fotografia é da videomaker Thais Mallon num roteiro desenvolvido por ela e por Francisco. A gravação foi feita na loja Corina Cervejas Especiais, em Brasília.

Com letra forte “Luz Vermelha” é uma música incita expectador:

“É uma letra que trata sobre o quanto é perigoso aceitar ser maltratado ‘para um bem maior’. No refrão a frase: ‘Tenho que me conformar e engolir o que sobra’ na parte mais pesada da música significa a dor psicológica de alguém que justifica a continuação em uma situação injustificável. É uma ironia o refrão, não um conselho”, afirma Francisco.

A banda Toro está em atividade desde 2015 e conta com Thuyan Santiago (guitarra e vocal), Francisco Vasconcelos (guitarra), Álvaro Rodrigues (baixo) e Arnoldo Ravizzini (bateria).

Influenciados pelo stoner rock, os artistas têm como referências Queens of Stone Age, Led Zeppelin, Alice in Chains, Black Sabbath, Soundgarden e Red Fang.

A inspiração para as letras, como Luz vermelha, vem de vivências reais dos artistas que falam por meio do lirismo e da ironia. O grupo contabiliza mais de 30 shows só no primeiro semestre de 2017. Destaque para o Festival Na Rota do Rock, o Sesc Ceilândia e o Teatro Dulcina de Moraes.

Toro nas Mídias Sociais

Facebook: https://www.facebook.com/torobrasilia 

Instagram: https://www.instagram.com/torobrasilia/

Youtube: https://www.youtube.com/channel/UC5d-CtAxTTFt2g0mNp_KI9A/featured

Soundcloud: https://soundcloud.com/torobrasilia

Comments

comments

Loading...